• Textos

    Lua Azul | 04 de Maio a 02 de Junho

    Na última lunação outonal, caminhos se abrem no centro. Os caminhos, ou as encruzilhadas, são cartas de escolhas, decisões para onde irmos. Nesta lua, muitos de nós podem estar chegando a momentos decisivos, a situações em que teremos de sair da neutralidade e escolher se viramos à esquerda ou à direita. A pergunta que ressoa, sempre, é que caminho devemos tomar? Se não sabemos onde queremos ir, pouco importa que caminho tomar. Ter clareza do objetivo é a melhor bússola que podemos encontrar. Sincronicamente, a carta do caminho está entre o Sol e a Lua, entre o masculino e feminino, entre a razão e a intuição. Há o caminho óbvio,…

  • Cartas do Sol e Pagem de Copas do Shadowscape Tarot
    Textos

    Lua de Sangue | 05 de Abril a 03 de Maio | O Sol e o Pagem de Copas

    Na lunação que marca o ápice do outono, e em que devemos fazer os preparativos finais para os meses de introspecção e pausa do inverno, o Sol brilha generosamente. O Sol é um arcano de realização, sucesso, expansão, luz. Somos banhados por um grande fluxo de energia que nos ajuda a fazer o que precisa ser feito nesta época em que somos convidados a podar o que não serve mais. Jovial e alegre, o Sol nos auxilia a fazer esses cortes sem sofrimento! Livrar-se daquilo que não serve mais fica muito mais fácil se pudermos rir dos outros e de nós mesmos no caminho. No Sol, anjos e pássaros voam…

  • Textos

    Março: Sacerdotisa, Seis de Copas e a Ostra

    O mês se abre em uma sexta-feira de Lua Minguante. Sexta-feira, dia de Vênus, face da Deusa que rege o belo, o lirismo e o amor; Lua Minguante, a Anciã que se recolhe em seus mistérios. Em março, fazemos uma caminhada para nossa sombra interior para nos perguntar, afinal, a quem amamos, como amamos e se, ao fim e ao cabo, que lugar tem o amor e o outro em minha vida. Março, a chegada do outono, o que engrossa o fluxo de introspecção. As folhas caem, o sol se arrefece e a vida selvagem diminui seu ritmo. Procure desacelerar também. Esse novo ritmo começa com a Sacerdotisa, a tigresa…

  • Imagem do Trance Tarot com o Arcano V e o Três de Copas
    Textos

    Fevereiro: O Sacerdote e o Três de Copas

    FEVEREIRO: O SACERDOTE E O TRÊS DE COPAS O Sumo Sacerdote, o guardião dos mistérios dos Deuses, a voz da tradição e o agente do ancoramento da luz na Terra. Em fevereiro, a espiritualidade chama. Mais do que a espiritualidade, neste mês somos chamados para a religião. Os caminhos já estabelecidos antes de nós podem ser de grande importância na nossa jornada. Hora de buscar a Igreja, a Casa Espírita, o Terreiro, o Templo, a Oca, o Círculo. Estar em grupo, desfrutando dos ensinamentos de uma mestra ou mestre pode abrir mais portas do que imaginamos. Como anda sua rotina de autocuidado espiritual? O Sacerdote é, antes de tudo, aquele…

  • Textos

    Dezembro nas Cartas

    Dezembro, décimo segundo mês gregoriano, período de finalizações de alguns ciclos de nossa vida mundana. Espiritualmente, o hemisfério sul explode em vida no verão, com as bênçãos do pai Sol. Por isso mesmo, mês de desafios, já que por aqui vivemos essa simbiose de energias opostas e complementares, a finalização e a fertilidade. O mês abre com o Dois de Paus, duas varetas que se cruzam e desse encontro folhas se abrem e flores se desabrocham. Mês de parcerias, de encontros cheios de potencial, de oportunidades que outras pessoas nos apresentam. Não deixe grandes chances passarem com o pensamento de que “ano que vem eu olharei isso”, ou menos ainda…

  • Textos

    Novembro: A Torre e o Três de Ouros

    Outubro foi um mês desafiador a todos nós, comunidade brasileira, que tivemos que lidar com o ódio, a divisão, o fim de algumas esperanças e finalizações dolorosas. Várias Mortes dentro e fora de nós, talvez ainda alguns estejam com o coração em luto. A Torre acelera e transmuta tudo o que vivemos. A Torre marca um fim. Vemos uma construção pegando fogo, as janelas consumidas pela chama. Se alguém insistir em ficar dentro, sofrerá terríveis consequências. Neste novembro, esteja atento para não persistir cometendo erros, remando contra o fluxo que constantemente vem sinalizando que alguns caminhos estão fechados, algumas situações já se esgotaram e teimamos em não aceitar. A Torre,…

  • Textos

    Outubro: A Morte e a Rainha de Paus

    A tão temida Morte. Outubro se abre com o Arcano XIII, por muito tempo sem nome, como se a Morte fosse impronunciável, inconcebível. A Morte é uma transição, e Outubro se anuncia como um mês de transformações dolorosas. A Morte é um esqueleto, toda a carne se foi. A verdade dura, nua e crua, aparece sem hesitar. Outubro é mês de tirar os esqueletos do armário, e de olhar para os problemas sem titubear. Não há mais como esconder as falhas, as rachaduras na casa, no relacionamento, no trabalho. Aquilo que estamos teimando em não enxergar será posto na nossa frente com bastante clareza. Não tem escapatória, o esqueleto acena…

  • Textos

    Setembro: Imperatriz e Rainha de Paus

    Quem fez a lição de casa em Agosto colhe os frutos de Setembro. Em Agosto, viemos com o Imperador, aquele que detém o controle, que nos impulsiona a trabalhar, estudar, ser responsáveis, sermos adultos. Agosto pode ter sido um mês em que fomos duros conosco, mas em Setembro a vida ganha leveza. A Primavera chega para o hemisfério Sul, e a Imperatriz surge em seu trono de flores. Flores são uma imagem de delicadeza, efemeridade e impermanência. Aproveite as delícias deste mês, porque tudo passa. Não há porque recusar o bolo de chocolate ou o café com aquela pessoa há tanto sumida. Permita-se ser rodeado com o que lhe traz…

  • O Imperado e o As de Copas do Tarot de Marselha
    Textos

    Agosto: O Imperador e o Ás de Ouros

    Mês desprezado ou temido por muitos, este Agosto se apresenta com a força e destreza do Imperador, abençoado pela grande moeda dourada do Ás de Ouros. O Imperador é um líder, uma figura de poder, o comandante de um Império. Ele não foge dessa responsabilidade, pois segura firmemente o cetro na mão e, mesmo cansado, não se senta completamente em seu trono, está sempre pronto para exercer sua função. Agosto é um mês de trabalho, muito trabalho. Podemos ser chamados a ocupar espaços de maior responsabilidade, na gestão das empresas onde trabalhamos, das casas onde moramos e das cidades onde vivemos. Há uma mensagem de não fugirmos do grande fluxo…

  • Textos

    Julho: A Roda da Fortuna e o Rei de Espadas

    Julho, aqui no hemisfério Sul um mês de inverno e introspecção, marca também a entrada na segunda metade do ano. O mês sete acaba sendo um ponto de inflexão no calendário gregoriano, principal referência para muitos. Você tem gostado do caminho trilhado em 2018 até agora? Ainda dá tempo de mudar o curso.Mudança é uma palavra-chave para compreender a Roda da Fortuna. O Arcano X marca também um ponto médio no próprio Tarot, indicando que a partir dali as questões dos Arcanos alteram seu tom e profundidade. Essas mudanças que a Roda traz não são cortes e divisões abruptas, indicam apenas uma nova direção do ciclo de alto e baixo,…

  • Foto do Tarot RWS com a imagem do Mundo e do Cinco de Copas, rodeado de cristais
    Textos

    Junho: O Mundo e o Cinco de Copas

    Se maio nos desafiou com os imprevistos e com a intensidade emocional da Mãe Lua e das Sombras, junho é o convite a renascer depois dessa grande provação e mergulho nas águas da alma. O Mundo é a última carta do baralho. O Arcano XXI fala de grandes momentos, grandes renovações. Não é virar a página, é começar outro livro, outra história. Junho nos convida a encerrar pendências, completar os trabalhos inacabados, dar nós nos pontos soltos. Mês de ter aquela conversa que ficou para depois, acertar a dívida pendente, largar o ex de vez. O Mundo dança, protegido em sua guirlanda de folhas. A dança faz o corpo girar,…

  • Duas duplas de Cartas, o Carro + Cavaleiro de Espadas e O Pendurado + 10 de ouros, usando o baralho Wild Unkown
    Textos

    Dicas para combinar Arcanos Maiores e Menores no Tarot

    Aqui no Brasil chamamos de “método europeu” uma maneira de jogar o Tarot colocando duas cartas em cada posição: um Arcano Maior e um Arcano Menor. Apesar do nome, nunca vi um europeu jogar Tarot assim 😂😂😂 A vantagem é uma leitura com mais informações e mais precisa, mas com muito mais trabalho para quem lê as cartas! No começo, o exercício de fundir duas cartas em um significado pode ser difícil, mas a prática nos faz desenvolver pequenos “macetes” que vou compartilhar com vocês. Eu sempre tento transformar a dupla em uma frase, geralmente algo como “X que traz Y”, ou “X que faz você se sentir Y”, sendo…