Setembro: Imperatriz e Rainha de Paus

Carta da Imperatriz e Rainha de Paus do Stella Tarot

Quem fez a lição de casa em Agosto colhe os frutos de Setembro. Em Agosto, viemos com o Imperador, aquele que detém o controle, que nos impulsiona a trabalhar, estudar, ser responsáveis, sermos adultos. Agosto pode ter sido um mês em que fomos duros conosco, mas em Setembro a vida ganha leveza. A Primavera chega para o hemisfério Sul, e a Imperatriz surge em seu trono de flores. Flores são uma imagem de delicadeza, efemeridade e impermanência. Aproveite as delícias deste mês, porque tudo passa. Não há porque recusar o bolo de chocolate ou o café com aquela pessoa há tanto sumida. Permita-se ser rodeado com o que lhe traz prazer, beleza, alegria. Mantenha flores em casa, perfurmes no armário e amantes na cama. Setembro vem abundante e delicioso. Por que não?

As flores, aliás, são belas genitálias vegetais. A Imperatriz explora seu corpo de maneira livre, sem autocensura. Aproveita a oportunidade para não apenas se entregar a amantes, mas para entregar-se a si mesmo. Desenvolva um olhar de acolhimento ao mirar-se no espelho. Faça o esforço da autoconquista, como quem faz todos os jogos para cativar o parceiro desejado. Apaixone-se por si mesmo, a vida fluirá muito melhor. O estado do pleno amor próprio atrai prosperidade e fertilidade em abundância.

A Imperatriz manifesta sua abundância em sua criatividade. Setembro pode exigir de nós soluções não convencionais para problemas antigos. Tenha a coragem de fazer aquela loucura que sua cabeça insiste em mostrar, principalmente se ela quebrar as regras sociais que mantemos por pura hipocrisia. Longe de ser serva do Imperador, a Imperatriz sabe muito bem conseguir o que quer de maneira silenciosa e sinuosa. Aprendamos com ela.

Este conteúdo da criatividade sem pudor se reforça com a Rainha de Paus. Tanto ela como a Imperatriz são mulheres que seguram objetos fálicos, símbolo de união das polaridades, criatividade, fertilidade e coragem para ocupar seu lugar no mundo, mesmo que outros digam que aquele não é nosso lugar. A Rainha de Paus acrescenta uma carga de paixão, tesão e energia na Imperatriz. Além de ressaltar sua criatividade e sexualidade, a Rainha de Paus reforça seu lugar de poder. Setembro é hora de nos impormos, de lembrarmos a aqueles que nos rodeiam e a nós mesmos quem somos e porque merecemos sim tudo de mais maravilhoso que há no Universo. Ambas mulheres, porém, não fazem esse lembrete com brigas e ataques. Elas sabem de seu poder, e essa consciência é o suficiente para abrir as portas. Como a água que encontra seu caminho desviando com suavidade entre pedras na correnteza, assim devemos conduzir os conflitos deste Setembro. Evite o desgaste sem abrir mão de seus desejos.

Nem tudo são flores na chegada da Primavera. A Imperatriz parece chamar o felino que a Rainha de Paus domou, num grande circo armado pelas duas soberanas. Cuidado para que o mês não gire muito em torno das aparências. Amar a si e empoderar-se de si não é necessariamente vestir-se de uma certa maneira, comer do jeito que a blogueira recomenda ou ouvir a música que lhe faz parecer inteligente. Temos o vício de construir quem somos da maneira que agrade e surpreenda ao máximo o observador externo, como num grande circo em que nossa vida precisa ser impressionante, surpreendente e cheia de momentos de suspense. O que nossa vida precisa é ser vivida por nós e para nós.

Outro calcanhar de aquiles desse circo é a desorganização. Corremos o risco de mergulharmos em nossa criatividade, fertilidade, excentricidade e esquecermos da rotina, do prato balanceado, das oito horas de sono. Regras não são necessariamente ruins. Sem a dureza dos ossos, os músculos não conseguem manifestar sua flexibilidade. A criatividade precisa de um suporte estável para manifestar-se de maneira equilibrada. Sem hipocrisia e imposições externas, mas não há porque não nos esforçarmos para manter um estilo de vida que ancora nossa saúde e bem-estar.

As mulheres olham-se olho no olho, formando quase um espelho. Seria um escândalo sexual na europa medieval? A verdade é que não saberemos, mas elas não parecem hesitar em viver suas paixões e desejos não convencionais. Um setembro de amor, prazer e abundância se abre. Que assim seja e assim é. Bom mês a todos nós!

Arthur Luna Borba
Atendimentos de Tarot e Terapias Energéticas
Cursos e práticas regulares